Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

Engatar, seduzir e sacar

Avatar do autor TNT, 20.04.09

Muitas vezes me perguntam como é que se saca um gajo. Ou uma gaja. Embora não seja detentora de grandes técnicas de sedução ou engate, consigo quase sempre sacar os gajos a que me proponho. Houve um que me falhou. É uma mácula na minha carreira, mas qualquer dia volto à carga!

Mas vamos ao que interessa: como sacar?

Primeiro que tudo, tem de se escolher atentamente. Fazer um reconhecimento do terreno. Conhecer o alvo. E não importa que a coisa seja presencial! Pode ser através de registos. Se o alvo tem um blog, a coisa é-nos facilitada. Percebemos exactamente qual o estilo da presa e se nos agrada realmente. Se agradar, podemos pôr-nos em campo.

A minha técnica é muito simples. Apresento-me de forma quase irresistível, com um teaser para lhes suscitar a curiosidade, dou-lhes alguma conversa durante uns tempinhos e depois passo ao movimento seguinte. Que é o que me interessa desde o princípio. Mas há que fazer algum investimento porque não se pode espantar a caça! De qualquer maneira, de uma forma geral, sou muito directa. Explico-me. Faço saber o que pretendo exactamente. Não perco tempo com tretas. Esta é uma técnica que desarma a maioria dos alvos. Deixam de se movimentar no seu território – dos jogos e tretas – e têm de passar para o meu. E aí eu fico, claramente, em vantagem. Estou no meu campo onde domino sem quaisquer limitações.

Como sou uma pessoa impaciente por natureza, não tenho pachorra para esperar pelas iniciativas dos outros. Trato eu do assunto, se possível. E, nas minhas investidas, nunca perco muito tempo. Se a coisa me começar a dar seca, desisto. Era porque, afinal, me enganei no alvo. Não era bem aquilo que me apetecia na altura.

Claro que para aplicar estas “técnicas” é preciso ter uma dose mínima de vergonha, e de pudores ainda menor! Uma coisa é certa: a nossa entrada triunfal deve ser sempre diferente, inesperada, bem-humorada e curiosa.

Como naqueles livros em que nos apetece sempre ler a página seguinte, estão a ver?
 

TNT

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.