TNT @ 11:23

Seg, 23/06/08

Numa revista de informação vejo um artigo acerca das "desculpas" usadas por homens e mulheres para não terem sexo.

Começo por dizer que não percebo esta conversa das desculpas. Se querem, querem, se não querem, digam, que com certeza, há mais quem queira! Mas adiante...

Uma das "desculpas" usadas pelos homens era algo como: "tás a precisar de perder uns quilinhos...". Ora se um homem me dissesse uma destas, é certo que não teria sexo nessa noite. Nem na noite a seguir. Nem na semana seguinte. E nem no milénio seguinte!

Será possível que há quem diga isto a uma mulher?? Prefiro acreditar que esta referência não passou de liberdade criativa do autor e que, na verdade, estas coisas não acontecem. Nenhum homem no seu juízo perfeito se saíria com uma destas, sob o elevado risco de acordar à laia de Bobbit. E isso, já são coisas que acontecem!

De dores de cabeça ao cansaço, do stress aos problemas no trabalho (esta última apresentada como a mais eficaz para ambos os sexos), tudo é válido para quem não está com apetites. Sei que não sou sexóloga, mas parece-me que quando se perde o interesse sexual é porque se perderam outros interesses. Ponto! Claro que há fases complicadas na vida, mas essas são notórias e as pessoas apercebem-se delas. E quem tem bom-senso, respeita.

Já dores de cabeça sucessivas, parece-me até insultuoso! Embora, por vezes, achemos que somos os mais espertos da freguesia e que os outros são todos uns idiotas chapados, nem sempre isso é verdade. A verdade é que nos podemos andar a enganar a nós próprios. E as desculpas podem não ser mais do que o camuflar de algo mais que precisamos fazer e não temos coragem.

Fica muito bem ter tomates. Mas nem todos os têm... o que é uma pena!
 

TNT

 



Miguel @ 13:32

Seg, 23/06/08

 

C'um catano, em cinco dias, dois de três post's são sobre a falta de apetite dos homens e as desculpas esfarrapadas ou as razões verdadeiras não invocadas.
Qu'é que se passa aí? Tivemos uma rejeiçãozinha?
A TNT parece ser uma daquelas raparigas determinadas, que "vão onde têm que ir"...
Ou seja, causam calafrios. Ou fica satisfeita, e ele rejubila, ou fica aquém do que queria, e ele tá lixado. Há homens que receiam essas mulheres, ou que passam a receá-las quando percebem que têm uma à sua frente.
Desculpas esfarrapadas? Claro que sim. Se a TNT tivesse uns quilinhos a mais e isso provocasse abstinência ao parceiro, concerteza que ele não poderia invocar a verdadeira razão. "Tás mais gordinha" ou "já não me excitas" são coisas que não se podem dizer a uma mulher. Tá no post.
Logo, a dor de cabeça, o stress, ou outra parvoíce qualquer é preferível. Mesmo que, e principalmente se, for mentira.
E atenção, quando somos daquela espécie "que casa", não podemos disparar um "se não queres há mais quem queira". Pode a razão ser pertinente mas causar algum "transtorno emocional" divulgá-la. Acontece.


TNT @ 11:25

Ter, 24/06/08

 

Eh pá... é que saiu na revista "Sábado" e li durante o fim-de-semana na praia. E nem queria acreditar naquela conversa dos quilos a mais.
Confesso que acho muito difícil haver um tipo que diga isso a uma mulher. Mas decidi pôr à vossa consideração.
Quanto aos meus quilos a mais, acho sempre que tenho... mas isso também me parece ser prerrogativa de se ser mulher. Achamos sempre que podíamos estar mais elegantes!

Pesquisar
 
comentários recentes
meu caso é meio parecido,mas so houve beijo,mas ai...
Quando as variáveis filhos e questões financeiras ...
Boa Tarde,Depois de muito pesquisar na net sobre a...
Viva, gostei do tema e tem razão, as Portuguesas s...
Sim, eu sei. Mas o que dói nao é tanto o que se pa...
Ele não contou porque achou que, se a Anónima não ...
Posts mais comentados
Arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D