Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

A amarga ilusão

Avatar do autor tsetse, 06.03.08

Sempre que ouço frases como "ele não me telefona há uma semana; está a testar-me" ou "ela não quer que a contacte; ela é que me contacta a  mim; tem muito mau feitio" ou outra do género só me apetece dizer: "Acorda! Ela não gosta assim tanto de ti. Basicamente, está-se nas tintas para os teus sentimentos. Estás a perder tempo e paciência com alguém que não o merece."
 
O problema é que, sempre que tentei dizê-lo, mesmo tendo razão e tendo usado as palavras mais simpáticas que me ocorreram, a minha opinião é quase sempre mal recebida. A verdade é que as pessoas que se deixam enganar com este tipo de jogos gostam de estar enganadas e não querem ser acordadas. Umas porque querem acreditar que estão numa relação complexa, quando estão apenas numa relação egoísta, com alguém que não tem o mínimo de respeito por elas. Outras porque estão cegas de paixão e não conseguirão ser objectivas enquanto a paixão durar. E ainda outras porque são umas frustradas com baixas expectativas, que nunca tiveram alguém realmente interessado nelas, por isso não conhecem uma alternativa.

Seja qual for o caso, jamais conheci uma pessoa que realmente gostasse de outra e a fizesse passar por jogos destes. E, mesmo das vezes que pensei que com aquela pessoa podia ser diferente, que se calhar ela era mesmo mais complicada que as outras, acabei por confirmar mais tarde a minha teoria.

Por isso, a minha mensagem a todos os que já ouvi queixarem-se e a todos os que ouvirei no futuro, é:
"Eles não gosta assim tanto de vocês. Nunca vos vão respeitar, porque vocês não se dão ao respeito. Move on!"

Tsetse

2 comentários

  • Imagem de perfil

    tsetse 07.03.2008

    Sim, tens razão. Em alguns casos, as pessoas iludem-se porque lhes dá jeito. O exemplo mais flagrante é o da paixão. A pessoa até sabe que não está a ser bem tratada, mas não quer desistir da outra.

    De qualquer forma, acredito que hajam outros casos em que as pessoas nem se apercebem do que se passa.

    Por exemplo, tenha a impressão de que há pessoas que querem ter uma vida mais emocionante do que a que têm e acabam por interpretar as demonstrações de falta de interesse como complexidade de personalidade e/ou densidade de sentimentos.
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.