Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

A Tendência para o Disparate

Avatar do autor TNT, 12.02.08

Todos nós temos a sensação que as pessoas que passam pelas nossas vidas acabam por se revelar algo parecidas ao fim de algum tempo.

Estas revelações divinas têm muitas vezes que ver com o facto de que somos nós que as escolhemos assim! Temos tendência para o disparate, embora saibamos o que é correcto. Escolhemos gente doida, gente divertida, gente tímida, gente honesta, gente cheia de esquemas.... sei lá! E depois temos a lata de dizer: “bolas sempre a mesma coisa”!

Ora bem, das duas uma: ou escolhemos sempre o mesmo estilo de pessoa, embora ao princípio não consigamos discernir exactamente o que vai dali sair, ou por outro lado, acabamos por armar a coisa por forma a que a pessoa se transforme naquilo que nos dá pica.

A maior parte das mulheres sabe que o ideal é ter um tipo ajuizado, cheio de bons princípios e valores familiares, honesto, trabalhador etc... a questão é que ao fim de uns tempos, começamos a precisar de alguma adrenalina e já sabemos que ali não existe. É mais fácil arranjar adrenalina num chá de tília do que no paspalho que acabámos por escolher.

Quando os homens nos apontam que o que nós gostamos é de bad boys, não estão completamente errados!

Achamos-lhe graça. Dão-nos emoção e uma sensação permanente de aventura. Sempre a abrir, sempre inesperados, muito viciantes, uma montanha russa de emoções que põe qualquer um doido. O problema é que ao fim de uns tempos começamos a sentir tonturas e enjoos de tanto desassossego. Lá nos começa a apetecer um paspalhito, ali para equilibrar a coisa.

Na minha opinião, o homem ideal tem de ter ambas as facetas. Um louco aventureiro quando é preciso, um atinadinho com todos os apitos e flautas quando assim convém.

E quase que garanto que a taxa de adultério, desceria a pique!

TNT

3 comentários

  • Imagem de perfil

    TNT 13.02.2008

    Um "dois em um" é que era!
    Mas eu sei que os há! Sei, sei!
    E se nós, mulheres, conseguimos ser uma "leide na mesa e uma louca na cama", não vejo porque eles não poderiam ser mais versáteis...
    Uma tristeza de limitação... enfim!
  • Imagem de perfil

    gomesh 13.02.2008

    Tenho de admitir que estava a pensar que o teu post era um pouco "marco pauliano" - mas olha que nem todas as mulheres pelo menos admitem que querem algo assim...
    Muito pelo contrário... galdérios para as "meninas sérias" nem vê-los...
    Then again... eu também nunca gostei muito de "meninas sérias"... enjoa um bocado depois da novidade...
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.