Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

... aproxima-se da baliza e... ao lado!

Avatar do autor TNT, 11.12.07

Os homens começam amiúde uma série de coisas, mas raramente acabam. Seja uma tarefa doméstica, seja profissional, seja sexual ou emocional. O acabar, concretizar, é algo certamente muito assustador. Senão, vejamos...

#1 Tarefa Doméstica
Eu costumo dizer que passou a bolinha e já não há nada a fazer. “Ai... lá passou a bolinha!” Isto significa que algo de diferente se atravessou no campo de visão dos rapazotes e eles rapidamente limparam do disco, o términos da tarefa. Tem de se tirar o chocolate do frigorífico, partir em quadradinhos, meter numa taça, e enfiar no microondas. As duas primeiras etapas ainda acredito que se concretizem. Conseguir fazer chocolate derretido para servir com os morangos, é que já é uma coisa muito à frente...! Esta é para mim imperceptível... não consigo mesmo atingir!

#2 Tarefa Profissional
Frequentemente se ouve nos relatos da bola algo como “ahhhhh... teve medo de ser feliz...!!”. Traduzindo para português, significa que teve medo de arriscar com vista à concretização. Não se percebe! Se faz o campo todo com a bola, se finta três ou quatro, se chega sem adversários à grande área, se só tem o guarda-redes pela frente de uma baliza de 5m, por que raio é que teve medo de ser feliz???? Por que raio é que não consegue concretizar aquilo a que tão proactivamente, se propôs? Ou seja: muita parra e pouca uva!

#3 Tarefa Sexual
Eles até podem começar. Metem-se connosco, provocam-nos, “o que tu queres sei eu” e tal e tal. Tratam do que têm a tratar, mas esquecem-se daquilo que iniciaram, que foi a provocação à moçoila. “Então como é que é? Provocas, começas, levas-me contigo e depois ficamos a meio?? Oh amigo, toca a concretizar! Ah, pensavas que já tinha acabado...? Pois, tou a ver... Mas não, fica sabendo que ainda não acabaste aquilo a que te propuseste!”. Esta é um clássico...

#4 Tarefa Emocional
Os homens raramente terminam relações. Acham sempre que já terminaram, simplesmente, porque deixaram de aparecer ou de atender o telemóvel. Claro que alegam que para bom entendedor, meia palavra basta. Mas nestas coisas, raramente basta. Há cofres que se abrem que depois não se podem nem devem deixar entreabertos. Têm de ficar bem fechadinhos sob o risco de oxidar o conteúdo, e criar verdetes para o futuro. Esta é a mais comum e gritante!!

Após consultar os manuais linguísticos reparo que “concretização” é uma palavra feminina... deve vir daqui a dificuldade. É isso, pois...

TNT

5 comentários

  • Imagem de perfil

    TNT 12.12.2007

    Acho que não percebeste a #3...
    Normalmente os homens não nos dão aquilo que precisamos para acabar... capisce? Eles começam a coisa e depois de satisfeitos, tá feito. Acham que cumpriram a tarefa...
  • Imagem de perfil

    anikin 12.12.2007

    Só os incompetentes, os que não têm brio ou consideração pela parceira.

    Se estás a falar dos teus amigos muito mais novos, até podem estar muito fogosos na primeira volta, mas têm obrigação de conseguir dar mais uma ou duas voltas para corrigir o problema.

    E há sempre métodos alternativos...

    Mas julguei que houvesse mais malta briosa!

    E depois, quanto a essa faceta da #3, eu até nem me posso queixar mas tenho ouvido muitas queixas deste lado da frente de batalha!
  • Sem imagem de perfil

    Miguel 13.12.2007

    Desculpem lá meter a colherada, mas ou a TNT não sabe ser mais explícita, ou o Anikin não percebeu.
    O fim duma Tarefa Sexual não é o ORGASMO.
    Para elas, uma cambalhota bem dada acaba, depois do dito, com muitas demonstrações de carinho, miminhos, beijinhos, palavras meigas, etc.
    Se os preliminares são importantes, os pós-liminares (digamos assim), ainda importam mais... para elas.
  • Imagem de perfil

    anikin 13.12.2007

    Miguel,

    Essa do "Para elas" sempre me causou estranheza porque eu também gosto.

    Ou seja, nem estou habituado a pensar que não haja pósliminares...
    ...e não me agrada muito quando elas rolam e dormem logo.

    Pois, também acontece ao contrário! E embora eu não faça do assunto o drama que muitas fêmeas fazem, a verdade é que não gramo mesmo que elas adormeçam logo. MAs é como a TNT diz: à noite não é a melhor hora para a maioria das mulheres.
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.