Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

O factor Brokeback Mountain

Avatar do autor TNT, 29.04.06

Assim que o filme estreou apressei-me a ir vê-lo. Queria perceber, tinha imensa curiosidade em entender os comportamentos de dois machões apaixonados que não fossem propriamente rabilós.

Já conhecia os estereótipos dos machões polícias, bombeiros, marinheiros, etc., mas os cowboys ainda me falhavam. É que western não faz exactamente o meu género.

Fui a um cinema “pipocas free” para uma maior concentração. A moçoila ao meu lado saía passava meia-hora. Se calhar pensava mesmo que era um western, não sei. Várias pessoas abandonavam a sala de cinema o que perturbava um pouco a minha capacidade de perceber como e a que propósito é que eles subitamente se saltaram prá cueca e nem umas flores, nem uns beijinhos, nem uns afagos nem coisa nenhuma. Foi logo, passa para cá o befe que aí vou eu! Mas foi querido... ainda meteu um cuspinho que o KY Gel não abunda nas montanhas do Wyoming..

Quando dizem que os homens são umas bestas, não será completamente falso. O que me alegra é que eles não são só umas bestas connosco (mulheres) mas também o são entre eles. Ou seja, é mesmo prerrogativa do cromossoma Y. O que nos deve descansar um pouco para percebermos que o mal não está em nós. Eles não conseguem mesmo partilhar emoções e sentimentos nem ao fim de 20 anos. A lição BBM deveria ser obrigatória entre as mulheres para que se convencessem que não adianta tentar. O melhor é aproveitar as idas à pesca, mesmo sem cana e isco e tentar sacar o maior número de trutas.

E eu que tinha uma visão tão romanceada das relações gay... Já foi!

TNT

4 comentários

Comentar post