convidado @ 11:59

Qui, 23/11/06

Vamos supor a seguinte situação, que por acaso (e só por acaso) não é verdadeira: imaginemos que eu fui traída, terminei a relação, mas agora e dado o arrependimento sincero do meu companheiro, decidi voltar. Faço as malas, coloco a toilette mais sexy que encontrar, e lá vou eu.
Chego, dou uns amassos no moçoilo, vivo uma segunda lua de mel, até que estou assim sem nada para fazer e me ponho a pensar: Ora bem, agora que estou de novo nesta relação, com o mesmo tipo que não pensou duas vezes antes me trair, como vai ser? Conseguirei realmente confiar nele? Se o palerma me traiu uma vez, não será porque ele acha que essa é uma alternativa possível? Não estará na base dos seus princípios morais? Será que, da próxima vez que ele estiver a apanhar seca e com crises emocionais, não achará normal encontrar uma alternativa divertida?
Outra questão: será que poderei respeitá-lo para todo o sempre? É que não abona nada a seu favor, ter traído uma pessoa como eu!
Depois, já me estou a imaginar num momento difícil, a dizer coisas como:
"Ai não queres que eu vá jantar com o meu amigo? E então porquê? Achas que sou da tua laia e que te vou trair só porque sim?" ou... "Oh meu menino! É melhor ser viciada em compras do que andar por aí, a trair a confiança de quem gosta de mim". Coisas desagradáveis, com certeza, mas que nos saem nos momentos de maior irritação.

Por isso, a minha questão é: será possível construir uma relação saudável, com respeito e igualdade, depois do perdão? Parece-me difícil. Porque perdoar não é esquecer.

É por estas e por outras, que a maior parte das pessoas opta por mentir. Negar tudo até ao fim. E, sinceramente, não me parece nada má escolha.

Bee


Anónimo @ 20:51

Sex, 29/04/11

 

Eu estou a passar neste momento uma situação muito delicada. Eu ao contrário perdoei pois acho que devemos dar a segunda oportunidade se é difícil é... principalmente agora que sei que essa pessoa trabalha com ele. Não quero acabar porque o amo muito mas não sei até que ponto consigo confiar nele pois tenho medo da aproximação deles. O que posso fazer? :o(

Bee @ 14:48

Sex, 06/05/11

 

Se acha que deve dar uma segunda oportunidade, então tem mesmo que a dar. Sem desconfianças nem crises de ciúmes. Se não, não é uma segunda oportunidade, é tortura.

Giza @ 21:53

Dom, 26/06/11

 

Estou sem forcas !+ quero deixar meu comentario...tambem fui traida e descobri nao tem 30 minutos,sinto m sem xao,com muita dor no coracao e vejo lhe como um monstro!ja nem sei s quero esta mentira que eu xamava de relacao,!!!Nao sei mesmo que faco,s termino + a door dela sim tenho a certeza

Bee @ 17:01

Seg, 27/06/11

 

Estes momentos são sempre difíceis. É preciso ponderar bem no que realmente se quer.
O meu conselho é: independentemente da decisão, tente manter a classe e nunca perder a razão.

Pedro @ 11:09

Sab, 16/07/11

 

Bom dia!
Gostaria de expor o meu caso e ter alguns conselhos sobre o que fazer.
Envolvi-me intimamente 1x com uma colega casada e com uma filha. Eu proprio estava numa relaçao estavel de 5 anos e a morar juntos, a qual terminei 2 dias depois. Nunca tinha traido, mas apaixonei-me loucamente. A minha colega pediu o divorcio e cortou toda a intimidade com o marido, mas continuaram casados e a morar juntos. Nao abriu nunca o jogo pois não quer perder a custodia da filha. Mantive uma relaçao e envolvimento com a minha colega cerca de 4 meses, sempre escondidos, ate que num momento de fraqueza emocional fui procurar conforto nos braços de uma 3ª mulher. Nao gostei do que aconteceu, não era a pessoa que eu amava e senti-me muito mal. NAO ENTENDO como 4 dias depois aconteceu o mesmo. Quis esquecer o que tinha acontecido, apagar aquilo da memoria e seguir em frente. Tentei agir como se nada fosse, continuei no grupo de amigos (apresentei-a - isso foi muito mau, eu sei). Decidi apostar na relaçao que estava a tentar construir com a mulher casada, mas 2 meses depois decidi contar. A relaçao terminou, mas após uma semana reconciliamo-nos. Eu havia contado tudo o que tinha sentido, mas que teria sido apenas uma vez. Abri os olhos e soube que era ela que eu desejava, cortei todo o contacto com a 3ª pessoa, passei a ser um livro aberto, sempre a tentar dar-lhe segurança, a fazer surpresas, dar-lhe atenção, a mima-la, a ser eu proprio, porque nos damos mesmo muito bem a todos os níveis. Amamo-nos mais 4 meses intensos (mas escondidos), mas agora ela descobriu que não foi só uma vez com essa 3ª pessoa, sente que andei a gozar e perdeu toda a confiança em mim. Que se menti nisto que mais lhe tenho mentido.
Eu sinto que cometi um erro enorme, o qual não contei totalmente pois tive medo de a perder completamente e senti vergonha do que fiz.
Ela continua casada 10 meses depois sem nunca mais ter tido intimidade com o marido e sempre a dizer que não o ama e quer se separar. Agora diz que vai contar o que aconteceu.
Felicidades a todos/as

jp @ 23:40

Ter, 02/08/11

 


TNT.... com essa do negar sempre ate ao fim, foi assim que uma namorada minha esta a ter dificuldades em ter crédito no mercado... (terras pequenas)

MOÇOS...ESTA É PARA VOCES. PENSEM COM A TOLA DE CIMA. SE É PARA MIJAR FORA DO PENICO, MIJEM FORA DO QUINTAL...

Anónimo @ 08:30

Ter, 03/01/12

 

desconfio que a minha traicao nao se encaixa em lado nenhum...mais uma razao para me sentir completamene so...o meu marido e oficial de marinha passa meses no mar e descobri este verao que tinha ido com uma prostituta no brasil...isto ao fim de 26anos de estarmos juntos...o meu mundo ruiu estive muito doente estou a fazer terapia uma sessao ate acompanhada por ele.o  problema e que ele nai se culpabiliza de nada e acha que ir com prostitutas nao e traicao visto nao haver lacos afectivos e os marinheiros passarem uma vida muito dificil...ou seja  para ele nao foi traicao e ate diz com conviccao que sempre me respeitou...e eu que estou destruida nao sinto nem arrependimento nada...como se lida com isto

Marlen carupeia @ 05:04

Sab, 14/04/12

 

Sinceramente eu prefiro saber a verdade!tambem esto a passar por isso ,e esto muito confusa n esto conseguir confiar nele!

leria lima @ 02:39

Dom, 09/12/12

 

eu ja fui traida duas vezes mais por pessoas diferentes,e tendo passado por isso eu acho que uma relação pode sim dar certo depois de uma traição mais se ouver uma converça definitiva

Edvani antónia @ 17:55

Qui, 27/12/12

 

Esse ea minha hestoria:a minha namorada, mi traiu, com seu es namorado,quando discubri que jà faz muito tempo,que vem a mi trair,a primeira coisa a fazer foi ter uma conversa com ela,dissi que averia de dar, um tenpo para ela discubri,quem é melhor para ela? Já Não quero mais a respoita dela,porque o emcontro delis dois comtinua.esse ea minha pior tristesa.

thayane gabrielle damas de almeida @ 23:44

Qui, 17/07/14

 

meu nome e thayane era casa a 1 ano 2 meses eh eu trair o meu marido pq atenção estava dando o que toda mulher mereçia ter agora as pessoas fica ligando pra ele dizendo que eu tinha relação sexual com outra pessoa sendo que nem tive o que teve so beijo e abraço e eu sei que isso ja e traição e agora estou morando de volta com a minha mae pq ele so quer namorar e ele quer que eu demonstre confiança pra ele e eu amo muito ele não quero perde ele também me traiu e fica me comparando com outros tipos de mulheres falando que elas são melhores que eu o que eu devo fazer pra não perde meu grande amor e meu amado falo que vai ser dificil confiar em mim de novo obrigado pela atenção e fica me comparando com a mulher que ele ficou que ela tem mais cabeça que faz faculdade que trabalha que e uma mulher ideal pra ele casar isso me deixar com auto estima lá em baixo e eu quero ter ele na minha vida mesmo com tudo que esta acontecendo


Regyane @ 19:52

Qui, 24/07/14

 

## bom um coisa eu sei
.. para uma pessoa q foi fiel.. deu o melhor de si por uma pessoa... e derepente descobre q esta sendo traida...por uma pessoa mais velha e do trabalho dele..... e dificil e muito... o pior e quando temo dois filhos pequeno.... me desculpe não a perdao... ninguem faz as coisas obrigado faz por que quer e tem conciencia do q faz...

Pesquisar
 
comentários recentes
meu caso é meio parecido,mas so houve beijo,mas ai...
Quando as variáveis filhos e questões financeiras ...
Boa Tarde,Depois de muito pesquisar na net sobre a...
Viva, gostei do tema e tem razão, as Portuguesas s...
Sim, eu sei. Mas o que dói nao é tanto o que se pa...
Ele não contou porque achou que, se a Anónima não ...
Posts mais comentados
Arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D