Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

O Encanto do Esquadrão G

Avatar do autor TNT, 12.11.06

Sempre tive tendência para homens G. Desde que me lembro, todos os homens a quem achei piada pertenciam a este grupo. Num armazém cheio de homens havendo apenas um G eu aponto e escolho-o. É limpinho!

Obviamente, a coisa acaba por não correr muito bem! É que o G é de Galdério!

Confesso que me intriga um bocadinho este fenómeno de nos sentirmos sempre atraídos por um tipo de pessoa. E repetirmos como se não tivéssemos aprendido nada.

Tenho um amigo que só se apaixona pelas mulheres mais cabras à face da terra. Outro que se sente irremediavelmente atraído por mulheres chatas até à medula, daquelas mesmo maçadoras que dão sono. Outra, que apesar de ser queque, procura sempre ali uns rapazinhos meio bloco, meio campismo, meio festivaleiro. Outra adora-os loucos. Mas clinicamente loucos, daqueles com atestado e tudo.

Mas afinal o que é se passa connosco que não conseguimos alinhar esta coisa da direcção? Porque é que vamos sempre para o mesmo lado? Porque é que insistimos em meter-nos em relações que sabemos à partida que vão dar confusão? Podemos prever como e porquê só não sabemos é quando.

E o pior de tudo é que nem posso dizer que estou farta de G’s. O que é que eu hei-de fazer? Acho-lhes graça...

TNT

8 comentários

Comentar post