Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Interno Feminino

Divagações e reflexões do mundo no feminino. Não recomendado a menores de idade ou a pessoas susceptíveis.

Cotton vs. Polyester

Avatar do autor TNT, 28.06.06

Porque é que as pessoas se separam?
Provavelmente porque ao fim de algum tempo, ficam a conhecer-se melhor!
E não gostam do que vêem...

As relações são quase todas óptimas nos primeiros seis meses. Passarinhos, borboletas e flores. (Já agora, detesto borboletas). As pessoas estão felizes por terem atingido os seus objectivos de conseguir estar com o sujeito X ou Y. E por enquanto, ainda andam bem-dispostas, fazem as vontades, têm paciência para esperar, acham piada às coisas mais estranhas e ridículas, etc.

Quanto mais tempo passa, mais ridículas vão parecendo as coisas, menos tempo de espera há disponível, menos vontade temos de lhes fazermos as vontades, e mais mal-dispostos vamos ficando.

Eu costumo dizer, que ao fim de uns tempos, não foi bem aquele produto que comprei. Julgava ter comprado uma camisola de cachemira e afinal, saiu-me um topezito de uma cadeia de lojas de roupa espanhola. (Já agora, detesto espanhóis). Como é? Estamos todos em liquidação total? Ou somos restos de colecção?

Porque é que não conseguimos manter a frescura do algodão acabinho de comprar? A leveza da seda ou o brilho do cetim? Porque nos fartamos! Fartamo-nos uns dos outros até à exaustão. Aborrecemo-nos de morte com os nossos pares.

A melhor solução é sermos sintéticos. Nas várias acepções da palavra.

TNT

6 comentários

Comentar post