TNT @ 00:15

Ter, 26/02/08

Após a leitura deste artigo, falo com algumas amigas minhas no sentido de desmistificar esta coisa do Ponto G. Segundo o artigo, nem todas as mulheres têm a sorte de o ter e, acrescento eu, algumas que o têm talvez ainda não o tenham descoberto.

Ora se isto é um bicho de sete cabeças para uma data de cientistas, calculo que para os caríssimos leitores, ainda o seja mais.

Como descobrir e explorar convenientemente esta vertente do sexo?

Eu, como sou uma rapariga muito prática, acho que não há nada como perguntar. Caso não se obtenha uma resposta satisfatória, o melhor será experimentar! Mas para experimentar há que saber onde é, antes de mais nada. É aqui...

Antes de se aventurarem por grandes demandas, propunha que tentassem lá chegar com os dedinhos das mãos, que servem para mais do que para os investigadores do CSI descobrirem criminosos pelas impressões digitais. Poderão servir para chegar a lugares ainda por descobrir, terrenos recônditos e cheios de surpresas. E como isto das virgens está cada vez mais raro e aborrecido, porque não, serem os primeiros a aventurarem-se por regiões inóspitas que se podem revelar paradisíacas?

Uma vez descoberto o lugar de todas as loucuras, o melhor será começarem a explorar sem perder o tino ao verem a rapariga em transe!

Para se passar ao acto propriamente dito (e agora esqueçamos as impressões digitais) a única forma que existe de lá chegar é a rapariga tomar as rédeas à coisa! Ela sabe onde está, sabe onde o tesourinho (nada deprimente) se encontra, e ela é que terá de se fazer à vida, enquanto que os meninos se devem refastelar à mercê daquela visão algo invulgar. Que isto a vida é mesmo assim: umas vezes dá-se, outras recebe-se!

Conselho para os meninos: perguntem pelo local, procurem bem, que podem ser que achem.
Conselho para as meninas: Se já sabem onde é, assumam o controlo da situação sem medos. Para as que ainda não acharam, procurem juntamente com os vossos meninos. Para quem não tem... olha azar! Sempre vos resta aquele orgasmo normal exterior...

Garantia: As que têm o tal ponto, podem viajar pela Estrada de Santiago, comprar um bilhete de ida e só voltar quando lhes apetecer!

TNT


Flor de Lis @ 00:54

Ter, 26/02/08

 

O máximo! O meu já está sinalizado com uma bóia...


TNT @ 12:48

Ter, 26/02/08

 

Assim não há que enganar!


cigana @ 11:55

Ter, 26/02/08

 

Meninas, tratem vocês do assunto, que já se sabe que os homens nunca perguntam qual é o caminho!


TNT @ 12:49

Ter, 26/02/08

 

Pode ser que comecem a perguntar depois de lerem este post!
Tenhamos fé, Cigana, tenhamos fé!

JustGirl @ 12:08

Ter, 26/02/08

 

Muito bom! Para quem ainda acha que é um mito... asseguro que não é! Mas não é fácil descobrir... pelo menos para mim não foi! Foi preciso treino e insistência... e foi preciso um parceiro daqueles com química a transbordar!! :) Mas um dia... chegámos lá!


TNT @ 12:51

Ter, 26/02/08

 

Treino e insistência neste campo é sempre bom!
Se não se chegar lá logo, digamos que o processo de evolução não é desagradável!

Zé Manel @ 13:41

Seg, 03/03/08

 

«Foi preciso treino e insistência... e foi preciso um parceiro daqueles com química a transbordar!! :) Mas um dia... chegámos lá!»

Desculpe a curiosidade mas parece-me pelo seu texto que esse parceiro já não o é. Dadas as qualidades que lhe atribui porque se separaram?

Nunca percebi este tipo de comentários, era excelente mas acabou e dizem isto com a maior das naturalidades. Se acabou é porque não era assim tão bom ou então são muito complicada(o)s.

JustGirl @ 12:46

Ter, 04/03/08

 

Pois é Zé Manel,
Esse parceiro de facto já não o é! Porquê? Porque aconteceu ser mas em circunstâncias mais do que erradas... e como há valores do passado que acabam por falar mais alto... cada um foi para o seu lado.
E sim... a situação em si era muito complicada.
Não quer dizer que não tenha sido excelente, porque foi! Naturalidade... é relativa... o que marca profundamente nunca é falado com naturalidade... embora que por vezes até pareça ser...
Mas sim, acabou, porque a química, a paixão, o entusiasmo... o fio da navalha... o bom sexo...não chegam!

eusoutiagorolo @ 12:19

Ter, 26/02/08

 

Ora ora.....

Amiga TNT, ora este ponto G estará sempre relacionado na confiança/controlo que a mulher tem em si propria.
Se nao tem confiança e tem medo de perder o controlo, entao torna-se dificil atingir o orgasmo.
É preciso estimular esse ponto directa ou inderectamente mesmo quando haja penetração, se ela nao te tirar a mão (medo de perder o controlo), a versao masculina tera dois orgasmos: o da ejeculação e o tao ou mais importante visual/auditivo/sensitivo (faces vermelhas, gemidos, a frase "não pares", contracçoes vaginais, ...).
E como remate final (penso que é das poucas situaçoes que deixa-mos uma mulher completamente desarmada, visto que nos fazem um elogio) temos o prazer de a ouvir a proferir "Áaaa LEÃOOOOOO" (no meu caso Áaaaa Dragãooooo).

Bem, no fundo é preciso que haja muita cumplicidade entre a parelha, e que ambos queiram retribuir prazer.
Sejam confiantes em si e que perder o controlo nesta situação ao contrario de outras é dar-se ao prazer sem vergonhas nem constrangimentos.

Flor de Lis espero que essa boia não tenha reflectores, para que encalhem muitos nesse ponto.


TNT @ 12:53

Ter, 26/02/08

 

Sim... cumplicidade é fundamental!
Não é com um engate ocasional que nos vamos pôr a procurar o local... Se já soubermos onde é, aí a mulher pode tomar as rédeas da situação e tratar do assunto "sozinha" se ele não se mexer muito... Easy, boy, easy...!

eusoutiagorolo @ 14:25

Ter, 26/02/08

 

Hummmm......

Depende do que se entender por encontro ocasional, mas mesmo assim, o objectivo é ter e dar o maior prazer...prefiro bater uma no WC, do que pensar que vou para a cama com alguem por e simplesmente esvaziar....completamente errado......nestas situaçoes apesar de algumas se revestirem de certas dificuldades (como não conhecer a pessoa, estar recioso/a, não ter mente aberta dentro de certos parametros...) deve-se se agir como fosse a ultima vez que estamos com aquela pessoa e queremos que a imagem e sensaçoes que prevalecerao pos acto levem sempre a um sorriso na cara (hummm como foi bom) sempre que nos lembrarmo-nos delas.

eusoutiagorolo @ 14:40

Ter, 26/02/08

 

Easy boy...

Não será certamente, la bem fundo e sem o dizerem muitas vezes, será força "boi" não pares agora....e tao o é.....que se contorcem todas e fazem malabarismos quando estao quase quase quase lá para que a penetração seja mais funda e facilite o roço com os labios vaginais......só com o medo que percamos as forças nas canetas......e um gajo apercebendo-se disso só para se parar quando desmaiar.....pois mesmo desmaiado e enquanto aquilo estivesse firme de certeza que ela não pararia até implodir/explodir de prazer...


TNT @ 15:00

Ter, 26/02/08

 

Acho que estás equivocado.
Por estarmos a falar do ponto g, quem se deve mexer é a mulher para "acertar" exactamente onde quer. Os homens devem permanecer quietos...
Desculpa lá só teres sabido disso agora!

eusoutiagorolo @ 15:18

Ter, 26/02/08

 

Pois depende....desculpa la informar.....

Existem muitas pessoas que dizem que o ponto G está a uma certa distância dentro do canal vaginal, mas isso não faz sentido uma vez que o comprimento do canal varia de pessoa para pessoa. É o mesmo que dizer que a metade do pénis fica a 6cm da base, mas isso só seria verdade se o pénis tivesse 12cm de comprimento. A forma mais adequada para se achar o ponto G é introduzir o dedo na vagina até tocar o colo do útero. Ao fazer isso, é medir mentalmente o comprimento do canal e colocar o dedo no meio. Alguns dizem que este lugar é mais rugoso que o resto (podes sempre ver se é verdade quando tiveres sem nada para fazer), a experiência mostra que de início não é possível identificá-lo desta forma. À medida que se vai massageando e excitando o ponto, aí sim ele fica mais áspero. Por várias vezes é notado o surgimento de uma linha, provavelmente um músculo que se contrai, essa linha é o ponto de maior excitação para a mulher. Se muitas (as que tive o prazer de conhecer) achavam que com uma penetração mais funda e com um roço maior nas paredes/labios.........

No fim minha amiga BARRA DE DINAMITE por mais que me custe:

A verdade, essa sabemo-la os dois- tu és o meu ponto G!
Uma espécie de realidade inquestionável e tão óbvia que me ligará a ti para sempre, nessa busca eterna de prazer sem descrição, que só um ponto G muito especial pode fazer-me sentir.

Júlio @ 12:33

Ter, 26/02/08

 

Estive a ler este post e o artigo que referes e há uma coisa que ainda não percebi... Então há mulheres que não têm ponto G? Ou têm noutro sítio? Ou os cientistas andam parvinhos de todo?


TNT @ 12:55

Ter, 26/02/08

 

Aparentemente há mulheres que não o têm.... mas o que é bom nestas coisas, é que podem sempre atingir o orgasmo "clássico" digamos...
Que para algumas mulheres não é nada clássico! Também as há que nunca tiveram um orgasmo através do clítoris...
Isto realmente não é fácil! Tentativas e mais tentativas é o caminho a seguir!


Inocêncio da Silva @ 14:13

Ter, 26/02/08

 

Baseado na minha experiência, existem mulheres que simplesmente receiam o orgasmo, logo o ponto G mesmo que esteja ao alcance do desejo de uns, acaba por encontrar-se em parte incerta que apenas o receio da moça conhece...e isso sim é triste e deprimente.

Para as iluminadas, basta o mero vislumbrar da luz do supracitado orgasmo para o fazer despontar...ou coloca-lo bem à mão de semear.


TNT @ 16:07

Ter, 26/02/08

 

Essa das mulheres recearem o orgasmo é que eu não percebo...!!
Mas porquê? Têm medo de quê?
A sério... explica lá que eu não percebo isto...


Inocêncio da Silva @ 16:56

Ter, 26/02/08

 

É estranho eu sei...
Sei de um caso em que ela tinha receio de perder a "pose", de gritar, de perder o controle...
Outro que chegou ao meu conhecimento era baseado numa completa ignorância sobre questões do forro sexual, logo essa ignorância sobre o desconhecido levava-a a apartar-se do dito cujo... todos sabemos como o bicho humano reage ao desconhecido...!

Acima de tudo fico com ideia (corrige-me se estiver errado) que o orgasmo feminino é como um ciclone, todas têm que passar por ele para descobrir a bonança... o problema é que existe muita miúda medrosa por ai.

RubeMicheL @ 14:33

Ter, 26/02/08

 

offtopic
porque raio as mulheres não são descomplicadas como as autoras deste blog?
...suspiro...


TNT @ 16:06

Ter, 26/02/08

 

Também é verdade....
Se as mulheres perdessem alguns medos, seriam bem mais felizes!

eusoutiagorolo @ 15:43

Ter, 26/02/08

 

Pois as de lisboa sao malucas na rua e freiras na cama, as do Porto sao freiras na rua mas gandassss malucas na cama.
Ou serão todas iguais????
É que o meu tiaguinho (é pequeno mas grossooooo) deve ser por isso que só com uma penetração mais funda consiga atingir o ponto G.
Mae e pai, estou triste convosco por não me terem abonado com bom material.....
Filho, faz sempre o teu melhor com aquilo que te deram......
Mae e Pai, têm razao, o prazer não se mede em cm nem em volume...
Filho, liberta-te dessa menina barra de dinamite....
Mae e pai, é impossivel, somos como aquele 1kg de algodao e chumbo, temos o mesmo peso mas volumes diferentes.

JustGirl @ 16:37

Ter, 26/02/08

 

Desculpa!??? Mulheres com medo do orgasmo??? Isso existe sem ser na geração das nossas avós!? Nã... nos dias que correm não acredito...

E se existe... é pá façam-se à vida!! Da maneira tradicional, com ponto G ou sem ele! Pelo amor de Deus!! Se não fosse suposto termos prazer e atingirmos o orgasmo não tínhamos clitóris nem ponto G!!!

Para as que têm medo... percam-no! E esperem até descobrirem os orgasmos múltiplos!!! Aí então ficam completamente inssaciáveis!!

Quanto à observação sobre miúdas do Porto vs miúdas de Lisboa... sinto-me ofendida!!! :) Eu só de Lisboa, ok!?

Paloma @ 02:21

Qua, 27/02/08

 

Xiii isto vai fazer correr mt água debaixo da ponte......mulheres com medo de um orgasmo?como ter medo do que não se conhece?medo de gritar..."if you feeling girl...why don't you scream!!"mulher que é mulher diz "ai" qnd dói e quando é bom fica bruta!
Agora voltando ao dito ponto G...essa dádiva da natureza...meninas querem descobri-lo?simples...peçam ao vosso querido para introduzir os dedinhos até ao fim...depois ir retirando devagar até ficar a meio...o grande segredo ir rodando no sentido dos ponteiros do relógio e pressionar bem no "tecto" satisfação garantida


TNT @ 15:06

Qua, 27/02/08

 

Assim é que é falar Paloma!
Eu pus ali a figura para não haver forma de enganar, mas com a tua descrição, acho que todos ficaram esclarecidos!

Paloma @ 20:58

Qua, 27/02/08

 

É uma ajuda para as meninas e meninos que nem as figuras sabem ler...assim ñ restam duvidas,agora se nem assim chegarem lá...ui...precisam de aulas

Pesquisar
 
comentários recentes
meu caso é meio parecido,mas so houve beijo,mas ai...
Quando as variáveis filhos e questões financeiras ...
Boa Tarde,Depois de muito pesquisar na net sobre a...
Viva, gostei do tema e tem razão, as Portuguesas s...
Sim, eu sei. Mas o que dói nao é tanto o que se pa...
Ele não contou porque achou que, se a Anónima não ...
Posts mais comentados
Arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D