TNT @ 15:46

Ter, 12/06/07

Costumam dizer que eu sou boa em fins. Que tenho jeito para a coisa. E que consequentemente ajeito-me a gerir os finais de relação. Ficamos sempre amigos após o período obrigatório de luto, falamos ao telefone, partilhamos as agruras e as conquistas... enfim tudo muito bonito e civilizado, comme il faut.

Verifico porém, que a maior parte das vezes, as coisas não se processam desta maneira tão blasé.

Noutro dia, testemunho um comentário do género “Eu já tenho alguém e ele ainda não. Ninguém lhe pega! Eu cá, já estou atrelada e ele coitado não consegue arranjar ninguém...” Oh filha, já pensaste que ele ficou tão farto, tão farto, tão farto de tanta parvoíce que agora o que quer é estar sozinho e andar a curtir com os amigos? Respirar fundo e dar graças por ter sobrevivido à tua intempérie? São as Ventoínhas.

Mas há mais! Há aquela versão “Coitado... continua num sofrimento atroz. Não consegue conceber a vida sem mim. Estou farta de lhe dizer que ele tem de refazer a vida dele, arranjar novos interesses... Não há dia que não lhe diga isso, mas...” Oh querida, a menina já pensou que se o deixar em paz, ele pode então refazer a vida? Estas são as típicas nem f*** nem saem de cima! Mas sempre com o rótulo de pessoas preocupadas e cheias de boas intenções. São os Anjos Negros.

Depois temos os Dramáticos. São aquelas pessoas que não largam, que não se conformam e que acham que o mundo vai desabar porque levaram com os pés... “Não posso viver sem ela, a vida não faz sentido! O que é que eu vou fazer agora? O que fazer? Fazíamos tudo juntos...” Pois! É boa altura de começar a gostar mais de si e menos dos outros. Daqui a uns tempos já descobriu um novo sentido para a vida, novos locais a ir e novas actividades a levar a cabo. O mundo não acaba por causa de uns patins, ok? Sem dramas!

E aquelas Stressadas que se passam quando vêem os ex acompanhados? “Já viste? Com aquela gaja? Ainda por cima com ela...! Vou fazer uma escandaleira, ah vou, vou!” Dói não dói? Mas o teu tempo já passou... E fazer uma escandaleira só vai piorar as coisas. Dignidade, minhas lindas, dignidade...

Com certeza que já todos passámos por estas situações, de um ou outro lado da barricada! Mas digo-vos já: é muito melhor fazer um período de “luto” pelo fim da relação e depois tornarem-se a ver como pessoas que já tiveram uma história.

Na maior. Sem penas, sem moralismos ou sem roupa se preferirem!!

TNT


Elora @ 16:14

Ter, 12/06/07

 

Há pessoas que têm mais facilidade em desligar do que outras. Não temos de viver tudo da mesma forma. Eu sempre reagi um bocado como tu, mas ainda bem que não somos todos iguais, não teria a mínima piada.


TNT @ 20:28

Ter, 12/06/07

 

Sim... e assim sempre me vão dando temas aqui para o blog.
Para vos ir torrando a paciência com as minhas teorias!

gomesh @ 16:31

Ter, 12/06/07

 

Esqueceste-te de uma categoria...

As put*s... aquelas que pensam... "Acabaste comigo, já tens outra e eu ando para aqui sozinha... agora vou tentar levar a tua casa, o carro a mobília , os amigos... vais ver vais ser um infeliz!"
Ups... acho que estamos a insultar uma classe profissional... será que lhe devemos chamar as divorciadas... ou é a mesma coisa???


TNT @ 20:36

Ter, 12/06/07

 

Ai que grande maroto!
Essas são as saloias fdp... e tu meu caro gomesh tiveste a má sorte de privares com uma. Mas que as há, há... como as bruxas! Ah pois é!

gomesh @ 00:36

Qua, 13/06/07

 

Pois... mas deixa lá.... que sirva de lição

gomesh @ 09:35

Qua, 13/06/07

 

Há e não serão poucas tenho a certeza... eu felizmente só passei por uma e a única pessoa que saiu a perder foi ela porque perdeu a dignidade... eu saio sempre por cima porque considero a minha dignidade superior a qualquer bem patrimonial... alias... isso é o mais fácil de reaver... basta querer!

Mas é única das minhas ex com quem não me dou bem... há situações em depois do período de luto ainda voltámos (e voltaríamos hoje) a nos encontrar para uma sessão de "fooling around "... afinal quando é bom... a gente gosta...

PS. Espero que estejas melhor hoje

Perignon @ 16:50

Ter, 12/06/07

 

Venho ali do blog do No Messages e o último comentário é seu Elora, chego aqui e é a mesma coisa. Coincidências!

Li o título e pensei que a TNT ia ser mais uma a abandonar os blogs. Já começava a suspeitar que eu teria entrado fora de época!

Quanto ao tema, confesso que sou exímio a terminar relações... normalmente saio do país por uns tempos. É mais simples e não espaços para Anjos Negros.
Depois regresso, já recuperado, e somos novamente amigos com ou sem roupa... já é diferente.

E já agora, para quando o prémio do visitante 50.000???


TNT @ 20:37

Ter, 12/06/07

 

Acabar com o blog cor-de-rosa???
Está tudo doido? Nem pensar!
Agora então que estou de estaleiro vão ter de levar comigo até à imoralidade!

página_dos_sentimentos @ 19:11

Ter, 12/06/07

 

The end é verdadeiramente hilariante. Felicito-a por um texto tão bem conseguido. Se tiver interesse em ler o meu blog, talvez aprecie alguns textos subordinados ao mesmo tema. Adeus.


TNT @ 21:08

Ter, 12/06/07

 

Já lá fui dar uma voltinha... demorei-me no terrorismo!

Mike @ 19:33

Ter, 12/06/07

 

Isto por aqui está ao rubro - no que toca a textos, claro!
Ao contrário do que escreves, eu sou mais do género «no fim, não sobram amigas, só ex-amigas!»
Não acredito na amizade depois da morte... da relação. Não me sinto confortável a falar da minha vida com alguém que me conhece por fora e por dentro. E então quando uma das partes já voltou a namorar, imagino como será: Ele encontra ela com o seu novo amor. Numa qualquer conversa de café, a três, eles discutem política, futebol e... as posições preferidas dela! Naaaa! Não é para mim!
Acredito muito mais no "vai cada um para seu lado" e, após o sofrimento do fim da relação, descobrem que (como escreveste) «É boa altura de começar a gostar mais de si e menos dos outros».
Tal como o Perignon, quando li o título pensei que seria uma despedida, mas logo pensei: «Naaa! Isso seria uma estupidez, e eu não acho que ela o seja»!
No pare, sigue sigue!

Kore @ 20:07

Ter, 12/06/07

 

Mike,

Tendo a pensar como tu, mas continuamente vou tendo surpresas com que a vida me brinda ...

And so, a new adventure beings

Cheers,
Kore


TNT @ 20:45

Ter, 12/06/07

 

Ah sim... Eu fico amiga deles. Deles.
E não há cá conversas sobre elas... isso aí são assuntos tabu!
Falamos das nossas agruras e conquistas desde que não metam gajos e gajas à mistura.
Realmente, o que seria? "Ah e tal, e já experimentaste na cozinha só de avental...? Ele fica maluuuuuco!..."
Nah... também não é para mim!

E não, não vamos parar. Por mais incomodadinhos que eles ou elas fiquem! Azarito! Aguentem-se...

Babe, a Certificada @ 20:45

Ter, 12/06/07

 

Para mim, quando uma relação que termina, independentemente de quem põe o ponto final, é realmente necessário um período de luto. Durante esse período é compreensível que se esteja atento ao que o outro tem feito, mas o luto serve para uma pessoa assumir o fim a todos os níveis. Logo, ao fim de um tempo, quer-se é esquecer de facto a outra pessoa. Pela parte que me toca, quando acaba,acaba mesmo. Posso penar durante algum tempo, mas faço logo questão de arranjar outras coisas (ou outro amigo) para me distrair e seguir em frente. Se assim for, quero lá saber se fulano está com esta ou se está só. Cada um por si.


TNT @ 21:06

Ter, 12/06/07

 

Eu acho que o período de luto é fundamental.
Durante uns tempos é melhor não vermos, não ouvirmos, não sentirmos, não cheirarmos, não nada!
Depois, com mais calma e com tudo ultrapassado, podemos encarar melhor aquela pessoa, que um dia escolhemos para fazer parte de uma fase da nossa vida.

monge @ 21:15

Ter, 12/06/07

 

Os Infelizes...
O desejo de infelicidade futura dos ex nos seus futuros relacionamentos, em pessoas adultas e maduras, é sinal de mesquinhice e uma tentativa de auto-satisfação do ego; quando, nos dias de hoje surgem cada vez mais casos em que uma vida mais independente, socialmente activa, e bem recheada de um bom leque de amigos é opção para muitos em deteriorimento de uma só relação clássica, de casamento, filhos e prestação da casa...
"eu sim, já tenho uma prestação de casa pra pagar! e tive sorte que vem com um zé qualquer pendurado..."

...mas coitadinhos... eles andam por aí e não arranjam ninguém...

Get a grip!

P.S. The End??!? nem quando fôr o beggining of the book, ora essa...


daplanicie @ 12:03

Qua, 13/06/07

 

Adorei o post e o blog!!! Uma escrita acutilante e superinteligente. É um prazer ler o que escreve.


TNT @ 22:42

Qua, 13/06/07

 

Obrigada!


In @ 02:02

Qua, 13/06/07

 

Para variar, um post muito bem escrito!
Gostei particularmente das Ventoínhas e das Stressadas. Conheço/conheci tantas!!!!!!!


TNT @ 11:42

Qua, 13/06/07

 

As personagens que acho piores mesmo, são os Anjos Negros. Debaixo daquela capa de preocupação andam sempre a minar a vida das pessoas que a tentam refazer devagarinho... E uma pessoa está quase a conseguir dar um passinho e eis senão quando, telefonema, para ver se estamos melhores.
Lá se recuam não sei quantos passos novamente...!
Tramados, os Anjos Negros, tramados...


In @ 16:46

Qui, 14/06/07

 

Eu estava-me a referir às que acho mais graça, que me dão vontade de rir, os Anjos Negros são realmente tramados, também já conheci (não em quantidade, como as outras). Mas esses Anjos não dão vontade nenhuma de rir...

Rebeca @ 11:32

Qua, 13/06/07

 

Nomeei o vosso blog para "Blogs com tomate" em http://se_eu_soubesse.blogs.sapo.pt/108946.html.
Não esqueçam de se registar no Blog com Tomates, cujo endereço vem no post.
Bjs

Portus @ 14:16

Qua, 13/06/07

 

Sem querer ser apreciativo ou depreciativo para qualquer das partes, estava a ler o post e antes de chegar ao autor poderia jurar que era um texto da Tse Tse! Foi só uma curiosidade.

Relativamente aos finais, há duas coisas que me ficam sempre a pairar na cabeça (não, penso que não são adornos!), uma é que fiz muito bem em acabar e estou bastante melhor e outra é.......não me importava nada de, sem compromisso, poder disfrutar do sexo uma vez por outra :-)

É já agora, não acredito em ralações de amizade ditas "normais" com ex-namoradas ou ex-mulheres!!

www.oclubedosmosqueteiros.blogspot.com

Pesquisar
 
comentários recentes
meu caso é meio parecido,mas so houve beijo,mas ai...
Quando as variáveis filhos e questões financeiras ...
Boa Tarde,Depois de muito pesquisar na net sobre a...
Viva, gostei do tema e tem razão, as Portuguesas s...
Sim, eu sei. Mas o que dói nao é tanto o que se pa...
Ele não contou porque achou que, se a Anónima não ...
Posts mais comentados
Arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D