TNT @ 00:24

Ter, 02/01/07

Noutro dia fui sair com um ilustre prospect. No meio do champagne, entra um cavalheiro no bar onde estávamos, que ficou ali meio especado a olhar para mim. Eu não liguei nenhuma, mas o meu acompanhante ficou claramente incomodado. Ao que lhe tive de dizer “oh rapazinho, se vamos continuar a sair é melhor que te habitues, porque isto é mesmo assim...”

Há homens que gostam de nos exibir como troféus. Que têm orgulho em nós e de andarem connosco. Outros querem-nos muito sossegadinhas a um canto e que ninguém nos veja (nunca tive destes, mas sei que existem). Outros andam sempre com o coração nas mãos, caso alguém olhe mais de três segundos e nos arranque um bocadinho da virtude. Gostam que os amigos se roam de inveja mas o resto do mundo escusa de olhar.

O que nos remete para um terreno pouco firme, de areias movediças até. O da insegurança masculina! Ah pois! Pensavam que só as mulheres sofriam deste mal? Naaah! Há coisas justas neste mundo, e esta é uma delas. Os homens são inseguros, pronto! Disse!

Dizem que eu, com a minha enorme e transbordante segurança e auto-estima, sou capaz de deixar os rapazinhos com quem me envolvo, inseguros. Não me parece nada! Aliás faça-se justiça! Sempre lhes disse que se ali estão comigo é porque eu quero mesmo que estejam. Senão, estaria outro qualquer. Só têm é de se sentir confiantes, não vos parece? O facto de outros olharem, só os devia divertir e encher de peneiras e não de tremuras e desconforto...

Mas julgo que a testosterona lhes tolda a parte do cérebro que devia processar estas questões e só conseguem vislumbrar o território ameaçado pelos outros machos a exibirem as caudas prontos para saltarem à espinha das fémeas. E por falar em fémeas... elas não terão nada a dizer em todo este processo de galanteio/invasão de território/whatever? Já agora, se não se importam!

Tenho amigas que dizem que os devemos deixar sempre assim um bocadinho inseguros, suspensos, sem saberem muito bem o que esperar de nós ou do que somos capazes.

Quanto a mim, se lerem este blog, sou logo denunciada! Lá se vai o mistério. Quanto à insegurança das criaturas, ou muito me engano, ou vai aumentar substancialmente, com estas leituras!

TNT


Martine @ 10:40

Ter, 02/01/07

 

Também não entendo o porquê de tanta insegurança.
Sem dúvida, meio mundo pode olhar especado para nós, com quem estamos?
Com a pessoa que queremos estar, que gostamos, que nos dá prazer, amor e carinho e essa pessoa fica insegura porque estão a olhar demasiado para nós, fica com ciúmes porque não suporta a cobiça, e mal humorado devido a este desconforto todo, e nós é que somos as culpadas?
Bem eu sou casada e gosto mais do meu marido que de chocolate ( e cuidado, sou louca por chocolate ) e mesmo assim ele insiste em ficar com ciúmes descabidos, não faz cenas mas fica todo roidinho por dentro, sabendo perfeitamente que o meu coração e tudo que vem com ele é dele e só dele. Vai-se entender ?
Mas agora entre nós, é tão bom os “deixar um bocadinho inseguros, suspensos, sem saber muito bem o que esperar ou do que somos capazes” porque sentimos a respiração sôfrega de desejo, o desejo desmedido de nos levar até as estrelas e o amor a bater tão forte no seu coração que quase arrebenta com o peito.
E nós as mulheres é o que queremos, amor eterno e sincero, o resto são balelas.......................


TNT @ 12:50

Ter, 02/01/07

 

Cara Martine,
A eternidade, a mim, assusta-me.
Já tenho tanta dificuldade em lidar com o longo prazo...!

Martine @ 12:59

Ter, 02/01/07

 

Cara TNT,
A eternidade enquanto durar.
Não se pode pensar em tempo mas em momentos.
E os bons momentos são eternos.

Eu @ 21:52

Ter, 02/01/07

 

"E nós as mulheres é o que queremos, amor eterno e sincero, o resto são balelas."

Se as relações fossem tão simples como esta descrição...

Mas não são. As mulheres (algumas) até querem isso, mas querem também muito mais e o problema é que ou não querem dizer o que querem, deixando os parceiros à deriva, ou então nem sabem e esperam que o outro adivinhe.

Martine @ 11:43

Qua, 03/01/07

 

Cara Eu,

As relações até são simples.........quando sabemos o que queremos e damos importância aquilo que é realmente importante.
Demora o seu tempo mas com amor e dedicação chegamos lá, e depois é maravilhoso.........

http://shakermaker.blogs.sapo.pt @ 14:14

Ter, 02/01/07

 

Ora viva!

Sempre achei, também, os homens muito inseguros. Aliás, é extremamente inseguro uma mulher estar na companhia dum homem pois este é um ser muito pouco cuidadose. Um autêntico desastre à espera de acontecer. Falo por mim, pois não ofereço a nenhuma mulher as condições minímas de segurança, o que coloca a integridade fisíca de qualquer mulher, que esteja do meu lado, em constante risco.

Eu, se fosse mulher, nunca sairia com um tipo como eu. Primeiro, é pouco seguro no que concerne à auto-estima duma mulher estar na companhia dum sujeito mal parecido como eu.
Segundo, é pouco seguro estar na minha companhia pois eu perco-me constantemente e nunca sei o caminho de volta.
Terceiro, tenho imensa dificuldade em lembrar-me de rostos, pelo que posso entrar num local com uma mulher e sair do mesmo local com outra mulher, julgando eu que ainda é a mesma.
Logo, eu sou um homem inseguro e julgo que posso falar por todos.

Ah, já me esquecia, não sou nada ciumento, o que também é uma insegurança para qualquer mulher, sendo esta insegura ou não.

Um abraço...
shakermaker

Já lhe desejei um Feliz Ano Novo?
Ah pois não, cabeça a minha...
Feliz Ano Novo!

Apple @ 18:18

Ter, 02/01/07

 

Olá de novo!
Feliz ano para começar.
Em relação ao militar musculado tens mesmo de experimentar, de preferencia que tenha tido um treino bastante puxado, tipo fuzileiro, ranger ou comando, e que continue a fazer bastante exercicio.
Sempre me encantaram os homens que vão aos treinos, lol..
Agora inseguros é que eu não compreendo...
Eles nao sabem que nós estamos lá porque queremos?? POIS NÂO!!!!
mesmo que os lembremos todos os santos dias,e que digamos que são lindos e maravilhosos e mesmo que sejamos lamechas ate mais não...
Há qualquer coisa no hipotálamo deles que bloqueia toda e qualquer sensação de segurança, so que dis farçam bem...
Mas que se pode fazer?
Can't live with them, can't live without them...
Novamente parabéns pelo blog

Apple


cigana @ 22:20

Ter, 02/01/07

 

Outro GRANDE artigo! Hoje em dia, vendo as mulheres ganhar terreno em todos os campos, a insegurança masculina aumenta a olhos vistos, enquanto a feminina diminui.
Mas cá para mim, os que nos querem muito sossegadinhas num canto são os mesmos que receiam os olhares dos outros!

não posso dizer o nome @ 09:52

Qua, 03/01/07

 

essas teorias são todas muito boas, eu quero comprar todas, mas tem que ser em leasing, pode ser? e cofidis, também pode?só tenho uma perguntinha a fazer, um pormenor, uma coisa sem importancia, até peço desculpa pelo incomodo.quando vocês mulheres saiem com alguem de quem vocês realmente sentem uma emção forte, realmente estão a fim, gostam que uma fulana qualquer, ou várias, estejam constantemente a olhar para a vossa mesa e a segredar comentários? é claro que a vossa resposta aqui neste blog é "sim, claro que sim, sem problema nenhum", e eu compro também, mas só se poder começar a pagar daqui a dois meses...


TNT @ 11:25

Qua, 03/01/07

 

Caro não posso dizer o nome,
Respondendo por mim, claro que não!
A questão que eu pus, é que o tipo entrou e olhou fixamente. Ponto! Ninguém falou em olhares constantes nem em comentários.
Outra coisa... Você anda sempre a querer comprar coisas... Algum tipo de compensação?

não posso dizer o nome @ 11:59

Qua, 03/01/07

 

compensação na minha idade (43 anos), deve estar a brincar.a testosterona já não tem força para me incomodar. no meu tempo sim tinhamos de ter compensações e sim, andavamos a rapar como a menina apregoa no seu blog, mas nos dias de hoje??????francamente TNT, isso nem parece seu!!!!! hoje em dia só precisa de compensações quem quer ou quem é mesmo parvo. eu como sou as duas coisas gosto de brincar um pouco na web. só tenho pena de não ser 15 anos mais novo...


TNT @ 12:09

Qua, 03/01/07

 

Caro não posso dizer o nome,
Para quê 15 anos mais novo? Não vejo porquê...
Só acho que ou é muito materialista (porque está sempre a falar em adquirir bens móveis e imóveis) ou se calhar seria uma compensação a qualquer nível. Não necessariamente o da testosterona... E folgo saber que tem 43 anos!

não posso dizer o nome @ 12:26

Qua, 03/01/07

 

a menina nunca ouviu o poeta dizer que a testosterona comanda a vida?

p.s: 43 anos é algo de que ninguém se devia folgar em saber...


oamante @ 10:11

Qui, 04/01/07

 

LOL again!
Desculpa TNT (!?) pela gargalhada, mas pões-me de bom humor. É bom ler-te.

Mas inseguros somos todos, pois nunca sabemos quem nos vai calhar na rifa quando andamos a engatar.
Realmente os homens são inseguros, como qualquer pessoa.
Agora, reconheço que haja deles que são de uma insegurança, pois têm medo de perdê-las a qualquer momento. Esses são os machões e podem perder a vida se alguém lhes rouba o troféu.
A outros a insegurança deve-se ao facto de lhes ter custado a encontrar aquela mulher e perdê-la...
E há mais tipos de insegurança.

Eu cresci num mundo governado pelas mulheres: em casa havia mais delas, no mundo parece haver aí umas 7 mulheres para cada homem e na minha profissão (não digo qual, mas não é prostituição) há mais delas também.
Isso nunca me chocou, apenas me ajudou a ser talvez mais tolerante, a ver o outro lado.
Eu não gostaria de perder uma mulher, mas daí a andar inseguro... não.
Como diz o Shakermaker, não tenho ciúmes e se perder uma mulher não vou definhar por aí.
O que interessa é mantê-las num estado de levitação constante, para que vejam em nós algo que os outros não têm.
Como fazê-las levitar? É fácil: algumas com bens materiais, outras com muito amor e se encontrarmos a pessoa certa, damos-lhe muito amor e muito daquilo que eu gosto de dar às mulheres. Não, não é sexo. É espasmos de prazer.
Outra coisa: os homens seguros não precisam de mulheres, mas gostam muito delas.

P.S.: reconheço que para alguns homens o facto da mulher se estar a tornar igual economicamente, ou até a suplantá-los, é inibidor. Lol para fechar.


likethis @ 12:49

Qui, 04/01/07

 

Amiga TNT acho que a insegurança é uma característica comum aos seres humanos, se bem que uns o sejam mais que os outros, mas no homem funciona como nos animais irracionais....quase.....( nem sempre acontece) qual leão que rosna quando vê aproximar outro predador da sua presa, em relação às mulheres, os homens funcionam da mesma forma, qualquer olhar para eles é ameaçador ehehehhe
Feliz Ano 2007 e continuo a gostar muito de visitar o seu blog
beijos

Bruno @ 22:36

Dom, 07/01/07

 

"(...) Ao que lhe tive de dizer “oh rapazinho, se vamos continuar a sair é melhor que te habitues, porque isto é mesmo assim...”

Temos aqui alguém com uma uma "baixíssima" opinião de si própria... as vezes quanto mais se doura a pílula, quanto mais se elevam as expectativas maior é a decepção...
As tantas, os prospects fogem não pela insegurança, mas talvez pela sobêrbia alheia...


TNT @ 10:50

Seg, 08/01/07

 

Caro Bruno,
Às vezes... Outras vezes vão ficando, anos e anos, e ficam e ficam e ficam... É conforme a capacidade de aceitação que têm e se são pessoas com carácter, personalidade e convicções próprias.
Os palhacitos, esses vão todos andando! E quanto mais rápido, melhor!

Pesquisar
 
comentários recentes
meu caso é meio parecido,mas so houve beijo,mas ai...
Quando as variáveis filhos e questões financeiras ...
Boa Tarde,Depois de muito pesquisar na net sobre a...
Viva, gostei do tema e tem razão, as Portuguesas s...
Sim, eu sei. Mas o que dói nao é tanto o que se pa...
Ele não contou porque achou que, se a Anónima não ...
Posts mais comentados
Arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D